Porquê aprender Francês?

 

La France, la France. O país do charme e da elegância, das artes e da filosofia, dos croissants e dos macarrons, da evasão sentimental e mental. La France, la France. Pouco há de comparável a uma viagem rejuvenescedora a Paris - respirar novos ares, beber novas palavras, sentir novos ventos. E para se ser capaz de abarcar tudo, nada melhor do que conhecer e saber a língua francesa. Uma língua que aos nossos ouvidos soa como uma melodia harmoniosa e hipnotizante - bela, útil, suave... et voilà!

 

a) Para um enriquecimento pessoal: aprender uma nova língua equivale sempre a um progresso no nosso desenvolvimento interior. Dominar um  novo idioma nunca é apenas a aquisição de novas palavras, nem tem apenas como consequência o compreender de novos vocábulos e o saber debitar frases. A aprendizagem inclui sempre a conquista de uma proximidade a uma nova cultura, proporcionando a abertura dos nossos horizontes;

 

b) Para abraçar uma cultura glamorosa: a cultura francesa é tomada como uma das mais encantadoras e deliciosas do mundo. Por isso, o conhecimento do Francês inclui automaticamente a familiarização a uma cultura recheadíssima, que envolve a moda, a gastronomia, as artes, a arquitetura, as ciências, a escrita, e muito mais;

 

c) Para uma visita à França: a França é o país mais visitado de todo o mundo, contando com mais de 70 milhões de visitantes por ano. Os franceses não são conhecidos por falarem muitas línguas, incluindo o Inglês. Se for à França, Francês ouvirá, pelo que será sempre uma viagem mais agradável se for capaz de entender e ser entendido. Além de que só assim conseguirá compreender a cultura, as mentalidades e a arte de viver vraiment à la française...;

 

d) Para uma melhor participação em debates: o francês é a língua de Sartre, Descartes, Beauvoir, Balzac, Flaubert, Curie, Piaf, Satie. Se sente que fica atrás no que diz respeito a transmitir ideias, opiniões e pontos de vista, estes e muitos outros nomes de referência vão surgir como pontos de apoio e inspirações artísticas. A aprendizagem desta língua contribui para uma evolução na arte da comunicação em si mesma;

 

e) Para uma atividade profissional mais distinta: o número de residentes da França e de outros países francófonos (Canadá, Suíça, Bélgica...) aumenta de ano para ano no nosso país (principalmente no Algarve!). Se exerce um trabalho onde convive diariamente com cidadãos cujo idioma nativo é o Francês, tais como agentes imobiliários, construtores civis, entre outros, saber a língua francesa é uma autêntica mais-valia que aumenta o sucesso da sua carreira profissional, fruto de um melhor desempenho comunicacional.